LCA – Letra de Crédito do Agronegócio

90 Flares Facebook 65 Twitter 10 Google+ 12 90 Flares ×

LCA - Letra de Crédito do AgronegócioDiante da baixa rentabilidade dos títulos de renda fixa mais tradicionais (poupança, CDB e títulos públicos), muitos investidores têm se aventurado em aplicações menos comuns, como LCI, CRI, debêntures e agora a LCA.

Ainda desconhecida de boa parte dos investidores, a LCA (Letra de Crédito do Agronegócio) é um investimento de renda fixa em que os recursos são destinados ao fomento do agronegócio.

O propósito deste artigo é apresentar a Letra de Crédito do Agronegócio, comparando com outros ativos de renda fixa, e mostrar as principais vantagens e desvantagens desta aplicação.

Letra de Crédito do Agronegócio

De acordo com o site da BM&FBovespa, a Letra de Crédito do Agronegócio (LCA) é um título de crédito nominativo, de livre negociação, representativo de promessa de pagamento em dinheiro emitido com base em lastro de recebíveis originados de negócios entre produtores rurais, ou suas cooperativas, e terceiros, inclusive financiamentos ou empréstimos relacionados com a produção, comercialização, beneficiamento ou industrialização de produtos ou insumos agropecuários ou de máquinas e implementos utilizados na produção agropecuária.

Em outras palavras, a LCA pode ser entendida como um empréstimo que o investidor faz a uma instituição financeira pública ou privada – que fomenta o agronegócio – e, para tanto, recebe uma remuneração, que pode ser um percentual do CDI, uma taxa prefixada ou ainda inflação mais juros prefixados.

Vantagens da LCA

Vamos conferir agora as principais vantagens da LCA:

Isenção do IR e do IOF

A LCA – assim como a LCI – possui isenção de imposto de renda (IR) sobre os rendimentos para pessoas físicas e isenção de imposto sobre operações financeiras (IOF) tanto para pessoas físicas quanto para pessoas jurídicas.

Boa rentabilidade e baixo risco

Por conta da isenção do IR e IOF, a LCA apresenta rentabilidade superior à maioria das aplicações de renda fixa.

Pode-se dizer também que a LCA é um instrumento financeiro de baixo risco. A chance do investidor não receber o dinheiro investido corrigido pelos juros está associada à quebra do banco emissor – ou seja, o mesmo risco do CDB e da Poupança.

Além da garantia do emitente, a Letra de Crédito do Agronegócio conta com a garantia adicional do lastro da operação de crédito rural à qual ela está vinculada.

Desvantagens da LCA

Como nem tudo são flores, vamos analisar as principais desvantagens desse investimento.

Baixa liquidez

Ao contrário de varias aplicações financeiras de renda fixa, que garantem liquidez diária, o investimento em LCA pode estabelecer um período de aplicação mais longo.

Em razão da liquidez, o investidor não deve aplicar os recursos destinados às reservas de emergência, pois no caso de imprevistos não será possível resgatar o dinheiro, obrigando-se a contrair empréstimos com juros superiores ao da aplicação.

Sem garantia do FGC

A LCA não possui garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) até R$ 250 mil, diferentemente de outros instrumentos de renda fixa como o CDB e a Poupança, ou mesmo a LCI.

Atualização: Desde Maio/2013, a LCA também possui a garantia do FGC. Assim, o investimento até R$ 250 mil é garantido.

Alto investimento inicial

Em regra, é um ativo financeiro destinado a médios e grandes investidores, pois o valor mínimo para investimento em bancos de grande porte pode variar entre R$ 30 mil e R$ 1 milhão.

Entretanto, há algumas opções para os investidores menos abastados, em instituições financeiras de menor porte, a partir de R$ 10 mil.

Algumas dicas importantes

O maior emissor de LCAs é o Banco do Brasil, que é líder no fomento de crédito ao agronegócio. Outros bancos de grande porte também distribuem em pequena escala este produto.

Entre os bancos de menor porte, que distribuem as LCAs destacam-se o Banco ABC, Bonsucesso, Intermedium, Pine e Rabobank.

Sempre que a LCA for emitida por instituições de menor porte, é fundamental que o investidor se preocupe com a classificação de crédito atribuída pelas agências de rating, pois se a instituição financeira emissora quebrar e, ainda, o lastro não for suficiente para cobrir a dívida, o investidor perderá todo o recurso aplicado.

A maioria das LCAs é indexada ao Certificado de Depósito Interbancário (CDI), e costuma remunerar entre 85% e 100% do CDI a depender do porte da instituição financeira emissora.

É possível obter ainda remunerações mais atraentes se o investidor aportar um volume bem alto de recursos ou se estiver disposto a acolher um prazo de vencimento longo.

A principal fonte para este texto foi o artigo do professor Samy Dana, do site Caro Dinheiro.

Para saber muito mais sobre a LCA (do ponto de vista técnico), recomendo a leitura do regulamento do BNDES sobre este ativo.

Agora eu tenho uma pergunta para você…

Você já conhecia este ativo de renda fixa? Tem mais informações sobre ele? Conhece instituições financeiras que oferecem a LCA com boa rentabilidade?

Se você tiver qualquer dúvida ou informação adicional que complemente este artigo, deixe um comentário.

Até a próxima!


Atualização

Recebi um excelente comentário do Guilherme Falcão e faço questão de atualizar o artigo com as informações que ele me passou:

  • Desde maio deste ano (2013), as LCA até R$ 250 mil também são garantidas pelo FGC;
  • O Banco do Brasil atualmente está remunerando a 84% do CDI e as aplicações mínimas são de R$ 30 mil;
  • É possível sim se fazer resgates parciais, mas não pode haver um saldo inferior a R$ 30 mil;
  • Diferente da poupança, as aplicações são corrigidas até a data do resgate, “pro rata die”, e não precisam aguardar a data final do vencimento. Há liquidez, portanto, no caso do Banco do Brasil.

Aproveito para agradecer ao Guilherme pela participação.

Assine (é grátis)

Cadastre seu email e receba gratuitamente as atualizações do Quero Ficar Rico!


Atingiu a liberdade financeira e quer ajudar outras pessoas a alcançarem o mesmo objetivo. Continue lendo aqui!

  • pupet …

    Com relação a LCA do BB:

    Liquidez diária, vc pode aplicar num dia e resgatar no outro. Como já foi dito no post, sem IOF.

    Atualmente o BB paga 83% do CDI e o valor inicial para aplicação é 30 mil.

    No BB para aplicações em LCA eh necessário q o cliente esteja segmentado como PF A ou PF B. Ou seja, renda superior a 6 mil reais.

    • Zyngier

      Por indicação da Gerente do BB, investi ontem no LCA, porém tentei simular um resgate hoje e o site me apresentou apenas a opção de Resgate TOTAL. Estranhei muito, pois a Gerente me disse que LCA seria um substituto para DI com maior rentabilidade devido à isenção do IOF e do DI. Mandei um mail questionado-a sobre isto, porém não tive resposta ainda.

      • Fernando Muller

        O resgata do LCA é sempre do valor total. Você não pode resgatar apenas parte dele. Entretanto, depois do resgate, poderá reinvestir dinheiro, desde que você possua o mínimo exigido pelo banco, como está escrito no artigo do Rafael.

        • Guest

          Mas a questão é saber se há alguma taxa na retirada ou reinvestida de valores?! E se há um prazo mínimo do investimento realizado?!

        • Guest

          Mas a questão é saber se há alguma taxa na retirada ou reinvestida de valores?! E se há um prazo mínimo do investimento realizado?!

      • JPS

        Zyngier …

        Tenho LCA no Banco do Brasil e o resgate é da forma como vc falou: TOTAL!

        Como não há carência (pode investir num dia e sacar no outro) e não há incidência de IR e IOF, não vejo problema em se fazer o resgate total.

        Eu fiz 3 investimentos de R$ 30.000,00 em separado + 1 de R$ 40.000,00 , totalizando R$ 130.000,00 , mais por uma questão de praticidade onde, num determinado momento, poderia precisar fazer algum resgate sem ter que baixar todos os R$ 130.000,00.

        Faço tudo pela internet (aplicação e resgate).

        Inconveniente: aplicação a partir de R$ 30.000,00.

        Até mais!

        • Guest

          Mas no extrato da LCA (pelo site do BB) aparece um valor a título de taxa (84)… que não sei o que significa, alguém sabe?

      • João Paulo

        É isso mesmo, quando precisar de um valor menor, o resgate pelo banco vai ser no valor total, mas como não tem taxa de administração e nem imposto de renda e muito menos iof, peça para o seu gerente reaplicar o valor que sobrou novamente, não penaliza em nada sua aplicação. Isso também acontece comigo, gosto dessa aplicação.

      • João Paulo

        É isso mesmo, quando precisar de um valor menor, o resgate pelo banco vai ser no valor total, mas como não tem taxa de administração e nem imposto de renda e muito menos iof, peça para o seu gerente reaplicar o valor que sobrou novamente, não penaliza em nada sua aplicação. Isso também acontece comigo, gosto dessa aplicação.

    • JPS

      Fala Pupet!

      Segmentação A / B …

      Onde me encaixaria?

      Sou titular de uma CONTA ELETRÔNICA no Banco do Brasil.

      Este tipo de conta oferece isenção total de tarifas, inclusive para emissão de DOCs e TEDs.

      Tenho R$ 130.000,00 aplicados em LCA (84% do CDI).

      Este investimento está disponível para aplicação também pela internet.

      E minha renda passa longe dos R$ 6.000,00 por você informado!

      Um abraço!

      • FinançasPessoais

        Segmentação A/B vale tanto pra quem tem mais de R$ 6 mil como para quem tem mais de R$ 100 mil aplicados ;)

    • Marc

      Tenho uma dúvida: apesar da liquidez da LCA do BB ser diária, o vencimento está em 2016, neste caso o saque antes do vencimento da LCA pode implicar numa redução do rendimento de 84% do CDI? Haveria algum outro tipo de perda? Ou o saque antes do vencimento dá no mesmo que o saque no vencimento da LCA?

      • FinançasPessoais

        O rendimento é 84% CDI mesmo que seja antes do vencimento. Mas como sacou antes ele vai ser proporcional ao tempo em que ficou aplicado. Tipo se daqui a 5 anos renderia 20 mil reais, se você sacar no primeiro ano renderá apenas 4 mil, capitche?

        • Luciano

          Então não existe nenhuma vantagem em se deixar mais ou menos tempo o dinheiro numa LCA, apenas a proporcionalidade do rendimento, correto?

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000323463156 Victor Albuquerque

    Poderia nos dar uma dica de onde checar o rating das instituições financeiras?

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000323463156 Victor Albuquerque

    Poderia nos dar uma dica de onde checar o rating das instituições financeiras?

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      Victor,

      Sinceramente não sei. Mas é possível chegar a algumas conclusões pelo Ranking dos Bancos do Banco Central: http://www4.bcb.gov.br/fis/cosif/indrank.asp

      Abraço!

    • Giovani

      Victor é só digitar no google o nome do banco emissor, você vai achar o site do mesmo e dentro do site todos que eu acessei até hoje tinha um link com o rating medida por alguma instituição. Abraços.

  • Leojaeger

    Caro Rafael,obrigado mais uma vez por suas valiosas informações.Com relação ao que o pupet colocou,acho 83% do CDI é um pouco baixo,mesmo sabendo ser um investimento de baixo risco e no caso específico com a garantia do BB.Acho que nesse caso a LCI da CEF,seria um pouco melhor,pois paga hoje o equivalente a 90% do CDI também está isenta de IR.

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      Concordo, Leo. A LCI, neste caso, é muito mais vantajosa.

      Abraço!

      • Rodinei

        Boa tarde Sr Rafael
        Olha só não entendo nada de aplicação financeira, porém as que eu tenho acho que estão tudo errado, tenho 72.000,00 em fundo de renda fixa no itaú a qual esta rendendo 4,73% aa e nesse tipo de aplicação, ainda tem o ir, taxa de administração e taxa de carregamento, tenho mais 30.000,00 aplicado na poupança antiga a qual creio que esta rendento uns 6% aa, gostaria de saber se pego essa grana e aplico tudo em LCA, somente lembrando que se eu retirar os 72.000,00 que esta aplicado em renda fixa VGPL, vou pagar uma grana preta de IR, porém quanto mais tempo eu deixo aplicado, tambem continuarei pagando IR e ja faz uns 10 anos que tenho essa aplicação, por fvr me oriente, visto que a minha gerente do ITAU nunca me orientou corretamente, desde já grato pela atenção, o meu e-mail
        rabarabasz@hotmail.com

  • Cefezinho

    Caro Leojaeger

    Apliquei na LCI da CEF e só consegui 84% do CDI como remuneração. Assim, 90% do CDI para mim foi impossível!

  • pupet …

    Se a CEF estiver realmente pagando 90% do CDI, eh um bom investimento.

    • Moacyr

      Olá, eu consegui no sofisa direto 94% na LCi. É claro que o risco é maior, pois o sofisa é um banco menor que o BB e a CEF. O valor mínimo para a aplicação é de R$1000,00.

      • pupet …

        Também tenho aplicação de LCI no Sofisa.

        • Henrique Nascimento

          Idem ao Pupet.
          De maneira geral, a rentabilidade dos produtos do Sofisa Direto são bem interessantes.

        • Henrique Nascimento

          Idem ao Pupet.
          De maneira geral, a rentabilidade dos produtos do Sofisa Direto são bem interessantes.

      • Lucas

        Eu coloquei todas minhas emergencias no Sofisa agora, não sei se foi uma decisão esperta, mas o Sofia está me parecendo sólido. Quanto à LCI, pode-se aplicar no Sofisa a partir de R$ 1,00 e para liquidez diária (a partir de 60 dias) ele paga 90% do CDI.

        • Raquel

          Mas, fica a dúvida: pq não sabe se foi uma decisão esperta? LCI mesmo na SOFISA tem a garantia do fundo se aplicação menor q 70000, certo? Vale mais a pena tirar valor para aplicar da poupança ou do CDB com porcentagem de 97,5%? não sei fazer o calculo para obter a info

        • Lucas

          Rende mais que a poupança com certeza. CDB a 97,5% rende liquido entre 75,5625% e, na melhor das hipóteses 82,875% do CDI, com IR de mais de 720 dias. A dúvida se a decisão é acertada ocorre porque trata-se de fundo de emergencia, ou seja, $ que posso talvez precisar a qualquer momento. Claro que o FGC cobre, mas e se quando eu precisar o banco quebrar, por exemplo? Levará um tempo até eu receber de volta, existirá um processo. Aí que está o risco, por se tratar de fundo de emergencia em um banco pequeno. Aí que está minha dúvida também. Por enquanto está funcionando, há quase um ano.

        • Raquel_saboia

          Então, sendo chata mais um pouquinho (dá para perceber q não sei nada, né)..mas o CDB rende isso que vc disse c a Selic atual? E o LCI? Tava vendo que o CDI deste mês está em 0,58%. Se a rentabilidade for, por exemplo, 84% do CDI fica menor do que a rentabiliade da poupança? É isso?

  • Micael

    Gostei, mas infelizmente ainda não possuo tanta quantia em dinheiro para investir neste ramo

  • Matos

    Acredito que vai ser essa a opção (LCA ou LCI) quando o governo decidir novamente fuder a vida do investidor taxando as aplicações DI com o imposto mais alto independente do tempo de aplicação. Isso quando não decidir começar a taxar esses investimentos também, afinal o mensalão custa caro.

  • Edgard Santos

    Fala isso, ou fale aquilo. Mas conheço nenhum investimento melhor que o Tesouro Direto de longo prazo. Tenho amigos que perderam muita grana em bolsa de valores. Por outro lado tripliquei o valor investido em 12 anos de investimento. Então vale o que quiser, dúvido um investimento melhor que esse, mesmo com juros menores.

  • Joao da Silva

    “Sempre que a LCA for emitida por instituições de menor porte, é fundamental que o investidor se preocupe com a classificação de crédito atribuída pelas agências de rating, pois se a instituição financeira emissora quebrar e, ainda, o lastro não for suficiente para cobrir a dívida, o investidor perderá todo o recurso aplicado”

    Mesmo depois da crise de 2008 e casos domésticos, como BCSul, tem sempre um banana pra defender a “classificação das agências de rating”. Pede pra um macaco classificar aleatóriamente, o resultado é melhor.

  • Moises

    Qual é a vantagem, se paga até 100% do CDI? Bancos menores pagam mais que isso no CDB e ainda conta com a garantia do fundo garantidor. Eu mesmo consigo até 96% do CDI em bancos grandes.

    • Joao

      100% Cdi liquido de imposto…

    • pupet …

      Moises,

      Vc consegue 96% do CDI em bancos grandes aplicando em CDB, correto?

      A vantagem da LCI frente ao CDB eh q a mesma eh isenta de I.R o q já não acontece com o CDB.

  • Raquel_saboia

    Como faço para saber o valor do CDI? Estou em dúvida: será que vale a pena 84% do CDI contra porcentagem de 97% do CDB?

    • pupet …

      Raquel,

      A taxa DI (CDI) acumulada no período de 2012 foi de 8,398.

      No caso de uma LCA pagando 84% do CDI vc deve acrescentar o desconto do I.R o q nesse caso seria digamos 22% comparado com o CDB.

      Logo, comparado ao CDB a LCA pagaria 106% do CDI (84+22).

      • Raquel_saboia

        Considerando que a única diferença entre LCI e LCA é o fundo garantidor, em se tratando em investir na LCA do BB, não tenho pq me preocupar, né?

        • pupet …

          A probabilidade do BB quebrar e vc perder seu dinheiro eh muito remota… rsrsrs

          Até pq se quebrar, eu fico sem emprego.

  • Gouvea

    Olá Rafael, acredito que o grande lance seria encontrar uma LCA com rendimento superior a LCI/CDB do Sofisa.

  • Marc

    Tenho uma dúvida: apesar da liquidez da LCA do BB ser diária, o vencimento está em 2016, neste caso o saque antes do vencimento da LCA pode implicar numa redução do rendimento de 84% do CDI? Haveria algum outro tipo de perda? Ou o saque antes do vencimento dá no mesmo que o saque no vencimento da LCA??

  • fjisrael

    Minha dúvida: NA LCA, quando se faz, no mesmo dia, um resgate total e uma aplicação somando o valor resgatado com uma outra quantia perde-se um dia de rendimento? Ou seja: o dia da movimentação fica sem ganho?

  • SMAC

    Li que na ultima reuniao do CMN ja foi aprovada a inclusao do LCA no FGC, so faltando a publicacao. Isso procede? A publicacao onde li isso e de maio de 2013.