O que são debêntures?

47 Flares Facebook 18 Twitter 19 Google+ 5 47 Flares ×

DebênturesVez por outra surgem alguns termos tão estranhos para quem desconhece o mercado, que chegam a soar mal.

Debênture, por exemplo, seria um deles. Apesar de aparecer regularmente em várias reportagens, muita gente desconhece o que seria uma debênture.

Debêntures: o que são?

Como expliquei no artigo “Títulos privados: o que são e como investir“, debênture é um tipo de título privado, título de renda fixa emitido por uma empresa. Outro exemplo de título privado seria o CDB, emitido pelos bancos.

Por que as empresas emitem debêntures?

Nos mesmos moldes dos títulos públicos, onde o governo emite títulos com rentabilidade pré-estabelecida (pré ou pós-fixada), as empresas também se utilizam dessa prática, para captar recursos no mercado com juros menores que os oferecidos pelas instituições financeiras.

Por ter um risco um pouco maior (dependendo, obviamente, da reputação da empresa emissora) que os títulos públicos, geralmente esses títulos oferecem remunerações mais altas.

Por que investir em debênture?

Antes as debêntures ofertadas só eram acessíveis a grandes investidores, por conta do valor mínimo para aplicação. Atualmente, entretanto, existem opções para serem adquiridas a partir de R$ 1.000,00.

Comprei, no começo da semana, algumas debêntures do BNDES (DEB BNDES D42) com vencimento para 2015, que pagam 6,50% ao ano + IPCA. Para ter uma ideia, um título público similar seria a NTN-B Principal 150515, que hoje (07) pagaria 6,07% + IPCA venceria em data próxima ao primeiro. Apesar de não ser uma diferença estupenda, ainda assim me parece um bom negócio por ser emitida pelo BNDES.

Como acompanhar as debêntures oferecidas pelo mercado?

Assim como nos títulos públicos, onde temos o excelente site do Tesouro Direto para acompanhar os preços e taxas diariamente, existe o BovespaFIX, onde é possível pesquisar e visualizar todas as debêntures ofertadas.

As corretoras de valores são a fonte para a compra desses títulos. Minha sugestão, portanto, é solicitar mensalmente ao seu assessor de investimentos as debêntures (e demais opções de renda fixa) disponíveis para negociação ou procurar no BovespaFIX.

Assim você ficará por dentro de ótimas oportunidades de investimento, com boa rentabilidade, preços atrativos e baixo risco.

Ficou com alguma dúvida ou já investiu em debêntures e quer compartilhar conosco sua experiência? Deixe um comentário!

Assine (é grátis)

Cadastre seu email e receba gratuitamente as atualizações do Quero Ficar Rico!


Atingiu a liberdade financeira e quer ajudar outras pessoas a alcançarem o mesmo objetivo. Continue lendo aqui!

  • Joel Lima

    é cobrado taxa de adminsitração ? qual a carga de tributos ?

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Na operação, não é cobrada a taxa de corretagem. O único custo será a taxa de custódia, de 0,03% ao ano.

      Sobre os rendimentos da debênture, porém, incidirá o imposto de renda, a ser descontado no momento do resgate da aplicação. As alíquotas variam de 22,5% a 15%, de acordo com o prazo da debênture.

      É importante saber também que, nas debêntures que pagam juros periódicos – semestrais ou anuais, por exemplo – você recebe os valores descontados de IR.

      A alíquota respeita sempre o prazo de vencimento da debênture. Para os papéis com prazo de dois anos ou mais, a alíquota que incidirá será de 15%, mesmo que haja pagamento antecipado de juros aos investidores.

      Abraço e valeu pela participação!

      • anderson alves

        Rafael onde que eu posso me informar mais sobre as ofertas de debentures no mercado: rendimentos, taxas entre outras informações.

        • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

          Como escrevi no final do texto, minha sugestão é solicitar mensalmente ao seu assessor de investimentos as debêntures (e demais opções de renda fixa) disponíveis para negociação. É isso que faço no começo de cada mês.

          Nas operações com debêntures, assim como em CDB, não é cobrado taxa de corretagem ou administração. O único custo será a taxa de custódia, de 0,03% ao ano.

          Abraço!

  • Bruno Nascimento

    Rafael,
    Suponhamos que eu compre essa mesma debênture que você comprou, a BNDES (DEB BNDES D42). Caso eu precise vender essa debênture, essa venda pode ser a qualquer momento? O procedimento é similar ao de títulos públicos, que por exemplo compram os títulos todas quartas-feiras a preço de mercado?
    Abraço

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Bruno,

      As debêntures possuem liquidez diária, não necessita esperar até o vencimento para vender uma debênture.

      Abraço!

  • Rosana

    Rafael,
    Gostei muito di artigo, eu não conhecia sobre debêntures, vou pesquisar sobre o assunto.

    “Na operação, não é cobrada a taxa de corretagem. O único custo será a taxa de custódia, de 0,03% ao ano”
    A taxa de custódia incide sobre o valor do rendimento ou sobre o valor da aplicação?

    Obrigada,
    Rosana

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      A taxa de custódia incide sobre o montante total (principal + juros).

      Abração!

  • http://suascontasemdia.blogspot.com Lucas Madaleno

    Rafael,

    Gostei muito do seu artigo e fui atrás de duas corretoras para saber como funciona o mercado de debêntures. Mas eles me passaram informações diferentes, por exemplo os custos de operação, eu fui achando que seria igual ao Tesouro Direto como você escreveu, eu pagaria uma taxa de custódia em cima do valor negociado e pronto, mas me passaram que para adquirir debêntures eu teria custos iniciais de 100, 200 reais para pagar a operação, então se eu fosse comprar 5 debêntures de 2000 reais por exemplo eu pagaria logo de cara até 2% do valor em custos. Achei pesado e começei a achar que esse é um mercado ainda para grandes investidores, ou me passaram coisa errada?

    Abraços

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Olha só, através da XP, paguei apenas a taxa de custódia que comentei com o Joel, no primeiro comentário deste artigo. Não foi nem perto destes valores que você reportou, senão o negócio ficaria impraticável!

      Abração e valeu pela participação!

  • Bruno Nascimento

    Responde meu comentário ali em cima. rsrs abraço

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Ainda não obtive a resposta do meu assessor de investimentos na XP, corretora onde comprei essas debêntures.

      Acredito que exista possibilidade de venda no mercado secundário, mas como não tenho certeza, estou esperando uma resposta mais concreta.

      Abração!

      • Rômulo

        Rafael, li em um comentário seu que você trabalha com 3 corretoras. Excluindo os fundos de investimento, existem ativos que só podemos investir em determinadas corretoras?

      • Rômulo

        Rafael, li em um comentário seu que você trabalha com 3 corretoras. Excluindo os fundos de investimento, existem ativos que só podemos investir em determinadas corretoras?

  • Bruno Nascimento

    Ah. entendi, obrigado

  • van der Velden

    Rafael, estou com algumas dúvidas e gostaria de saber se você poderia me ajudar:
    - na sua opinião qual a melhor corretora para operar no Tesouro Direto?
    - Vale a pena usar uma corretora para Tesouro Direto e outra corretora para ações?
    - Taxa de corretagem também é cobrada para operações no Tesouro Direto e em fundos imobiliários?

    Muito obrigado e parabéns pelo blog. Acho que o Brasil é carente em educação financeira. Mesmo em algumas escolas consideradas “top” esse assunto não é tratado. E sem dúvidas vocês tem ajudado a sanar essa necessidade.

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Vamos às respostas:

      1) As corretoras que não cobram taxas e que possuem sistemas integrados. A única que conheço que possui essas duas características é a Banif.

      2) Claro! Vale tudo para economizar nas taxas!

      3) Cobra-se taxa de corretagem apenas para fundos imobiliários.

      Concordo contigo que a educação financeira é mal difundida, mas certamente esse quadro vai mudar em alguns anos e tem muita gente contribuindo pra isso, e não só o Quero Ficar Rico.

      Abração e valeu pela participação!

  • max

    ola Rafael,

    parabens pelo blog e pelo serviço que voce proporciona para todos.

    Vou direto ao ponto.
    Qual seria hoje, segundo a sua opinião, o melhor investimento para a seguinte situação:

    - capital disponivel 400k;
    - perfil de risco conservador, renda fixa;
    - prazo longo, 10 anos ou mais;

    estou pesquisando entre CDB pós atrelados a CDI/Selic, debentures, tesouro, Fundos imobiliarios, Letras Credito Imobiliarios e similares.
    Achei um CDB pós de banco de segunda linha que paga 106% do CDI.
    Tem algo melhor ??
    Existe alguma estrategia com ações que rende bem acima da Selic sem arriscar o capital ?? Aluguel, opções, dividendos ???

    obrigado

    • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

      Isso depende de uma série de fatores, tais como definição de objetivos financeiros, propensão a riscos (mesmo dentro da renda fixa há aplicações mais arriscadas que outras), entre outros. Por conta disso, não há como dizer qual o melhor investimento.

      Mas para não te deixar sem resposta, acredito que você esteja no caminho certo. Você já tem alguns objetivos consistentes e tem estudado ótimas opções existentes no mercado, além de estar aberto a novas investidas, considerando o longo prazo pretendido.

      Gosto muito do Tesouro Direto, LCI e debêntures de empresas sólidas. Mas quais escolher e qual a proporção a ser investida em cada uma depende de uma análise mais aprofundada.

      Caso tenha interesse, entre em contato diretamente pelo meu e-mail (rafaelseabra@queroficarrico.com), para que você possa detalhar melhor sua situação e possamos trocar algumas ideias.

      Abração e valeu pela participação!

  • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

    Pessoal,

    Acabei de atualizar o artigo, pois encontrei uma excelente fonte de pesquisa das debêntures (e muitos outros títulos de renda fixa) oferecidas no mercado.

    Trata-se do BovespaFIX, site mantido pela BM&FBovespa, com todas as informações sobre títulos privados oferecidos ao público em geral, desde a rentabilidade até a avaliação de risco de cada empresa.

    Para visitá-lo, clique AQUI.

    Abraço!

    • anderson alves

      Rafael me surgiu uma dúvida.

      Se compro um título, seja privado ou público, com vencimento daqui a dois anos com promessa de pagar 12% ao ano, ou seja, 25,44% no final dos dois anos e o título valorizou sua conta em 30%, quanto que vou receber quando o título vencer?

      - 25,44% ou 30%?
      - Se for 25,44% não seria melhor vendê-lo assim que o IR for de 15% antes da intituição me pagar o que prometeu?

      • http://twitter.com/SeabraRafael Rafael Seabra

        Você receberá o prometido na compra do título. Entretanto, antes do final do prazo, pode ser que o título esteja rendendo acima ou abaixo do esperado, de acordo com a demanda no mercado secundário.

        Vou dar um exemplo bem simples para tenta te explicar: considere que um título emitido em 2003, quando a Selic estava em mais de 20% ao ano, prometesse um rendimento de 20% a.a., com vencimento para 2015.

        Para nós, que estamos num cenário onde a Selic está em 10,75% seria ótimo adquirir um título que pagasse, digamos, 14% ao ano.

        É possível, então, que você consiga comprar esse título emitido hipoteticamente em 2003, pagando um preço acima do valor atual, para que ele renda apenas 14% ao ano, ao invés dos 20% a.a. anteriormente previsto.

        Abração e valeu pela participação!

  • Edson Cordeiro

    Rafael , bom dia ,o que pode me dizer a respeito das Debentures da Eletrobras ? Obrigado, Edson Cordeiro , Curitiba- Pr.

  • Guto

    Oi Rafael, tranquilo? Gostaria de saber se as debêntures são cobertas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

    Abs!

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      Infelizmente não, Guto.

      São objeto da garantia proporcionada pelo FGC os seguintes Créditos:

      Depósitos à vista ou sacáveis mediante aviso prévio;
      Depósitos em contas-correntes de depósito para investimento;
      Depósitos de poupança;
      Depósitos a prazo, com ou sem emissão de certificado;
      Depósitos mantidos em contas não movimentáveis por cheques destinadas ao registro e controle do fluxo de recursos referentes à prestação de serviços de Letras de câmbio;
      Letras imobiliárias;
      Letras hipotecárias;
      Letras de crédito imobiliário.

      Abraço!

      Fonte: http://www.fgc.org.br/?conteudo=1&ci_menu=19

  • Rafael Cadina

    Rafael Seabra, como posso saber que debêntures estão disponíveis para vendedores não qualificados, isto é, para o pequeno investidor? Tem essa informação no Bovespa Fix? Obrigado!

  • Marraira_hta

    Leio leio e não entendo nd, podia colocar um paragrafo bem simplicado com linguagens mais usadas no dia a dia para entender melhor quem nunca ouviu falar disso td, kis

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      Digamos que você precisasse de R$ 1 mil emprestado e pegasse esse dinheiro com um amigo. Para isso, você escrevia num pedaço de papel que devolveria esse dinheiro em 12 meses e pagaria R$ 1,1 mil por isso.

      A grosso modo, se você fosse uma empresa, esse papel seria uma debênture. Ou seja, um título que você emitiu se comprometendo a pagar determinado valor em determinado prazo.

      Essa é uma das formas das empresas captarem dinheiro no mercado.

      Abraço!

  • Jivago_fernandes

    velho uma denbenture não é um titulo de divida colocada no mercado como forma de emprestimo pelas empresas ?

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      A grosso modo, sim. É uma forma da empresa “pegar um empréstimo” no mercado com juros menores.

      A empresa emite esses títulos privados (debêntures) em nome do investidor e fica com a obrigação de devolver o dinheiro numa data pre-estabelecida.

      Abraço!

  • Pedro Godoy

    Olá Rafael, tenho frequentado seu site ultimamente e não vejo a hora de começar a investir. Mas como li em vários artigos seus não o farei sem antes ter as informações corretas. Gostaria apenas de agradecer o excelente material que você coloca a disposição de qualquer um que queira adquirir conhecimento. Parabéns pelo excelente trabalho !

  • nickmga

    Olá Rafael, tenho algumas debêntures mas como os juros não aparecem diariamente, como faço para acompanhar o rendimento mensal? Isso é possível?

    • http://www.queroficarrico.com.br Rafael Seabra

      Geralmente acompanho a cotação delas pelo site debentures.com.br.

      Abraço!

  • Carlos

    Ola Rafael,

    Antes de mais nada parabéns pelos artigos, sempre leio e acompanho bastante o site e sempre são bastante úteis.

    Então, estava interessado em investir em renda fixa (que paga proximo de 110% CDI ao ano) – deixando 2 anos justamente para pagar o menor IR possivel, no caso, de 15%. Tenho quase 10 mil (9,5) Foi quando eu descobrir os debetures.
    Assumindo que estou disposto a deixar o dinheiro por ate mais de 2 anos (talvez ate 4 ou 5), você acha que o custo benefício de comprar um debeture é melhor do que a renda fixa (110% CDI ao ano)?

    Se sim, tem alguma sugestao de qual eu poderia comprar?

    Mais uma vez parabéns pelo trabalho e um grande abraço!

  • jose manoel

    rafael, e onde estão disponiveis debentures para compra?

  • Augusto Rodrigues

    Rafael

    Uma dúvida de leigo sobre a custódia de debentures. Num dos comentários relacionados a este artigo, voce informa que a custódia é de 0,03% a.a sobre o valor principal + juros.

    Aonde voce obteve essa informação ? E da própria Bovespa ?

    Outra dúvida relacionada seria quais os custos cobrados pelas corretoras referentes a debentures (suponha que compre as debentures na oferta pública e mantenha ate o vencimento).

    Obrigado

  • Lucia Pires Maciel

    Boa tarde!!!!!

    Rafael,

    Meu nome è Lúcia, estou precisando comprar debêntur…Preciso de mais informações..

    JPPM Advogados Associados

    Presidente Prudente/SP..

  • Rodrigo

    a debênture não distribui dividendos aos seus possuidores?

  • Chagas Cunha

    Quero comprar Debentures da Vale. Uma boa quantidade.chagascunha1@hotmail.com

  • Carlos Albertofrancisco

    Caro Rafael,
    Tenho Debêntures da Eletrobrás para venda,Vc Compraria
    Carlos Alberto.

  • Maresolceara

    Ola Rafael, estou com dinheiro para investir em debentures e gostaria de saber qual empresa cobra uma taxa de administracao baixa.
    Voce teria algum estudo ou recomendacao?
    Obrigada

  • Ibrahim

    Bom dia Rafael! Estou estudando conhecimentos bancários e gostaria e entender melhor sobre Debêntures, e um parcela de cotas que adquirimos das empresas ?Quais os benefícios das Debêntures?