7 Passos Para Você Conquistar Sua Independência Financeira

Independência FinanceiraQuem não quer alcançar a independência financeira? Acumular um patrimônio que seja possível viver apenas de rendimentos é o sonho de qualquer pessoa.

No entanto, muita gente acha que conquistar a independência financeira é impossível. E não é!

O objetivo deste artigo é mostrar como é possível caminhar em busca da independência financeira de uma forma consistente, organizada e disciplinada.

O que é Independência Financeira?

Para quem ainda não sabe, ser financeiramente independente significa não depender da renda do seu trabalho para sobreviver.

Em outras palavras, os rendimentos dos seus investimentos (aluguel de imóveis, dividendos de ações, cupons de títulos públicos…) são superiores às suas despesas mensais.

É importante não confundir a independência financeira como aposentadoria ou parar de trabalhar. Eu acredito que ser financeiramente independente é ser livre. Ter liberdade para trabalhar exclusivamente com o que gostamos.

Entendido o conceito, vamos aos 7 passos para conquistar a independência financeira.

Passo #1: Ganhe Dinheiro

Por mais óbvio que seja, só é possível acumular patrimônio se você tiver dinheiro para investir mensalmente. E só é possível ter dinheiro se você tiver uma fonte de renda. Logo, trabalhar é preciso.

Quando estamos focados em aprender a investir, muitas vezes colocamos nosso trabalho e desenvolvimento profissional de lado. E isso está errado.

Por melhor investidor que você seja, quando estamos começando, dificilmente a rentabilidade do seu investimento será maior que sua capacidade de investir (parte que sobra do salário para investir).

Por essa razão, seu principal foco deve estar em ganhar cada vez mais e gastar cada vez menos, para sobrar mais dinheiro e poder investir mais. O aporte é essencial.

Passo #2: Poupe para Acumular Patrimônio

De nada vai adiantar se você estiver ganhando cada vez mais dinheiro e gastar na mesma proporção.

Quem ganha muito dinheiro mas está pagando prestação do apartamento, prestação do carro e fatura de cartão de crédito, está apenas acumulando patrimônio para seu banco!

Dependendo da forma como lida com seu dinheiro, você pode ficar mais próximo da liberdade ou ficar cada vez mais preso ao seu trabalho.

Para uma melhor reflexão, recomendo a leitura do artigo “Poupe, Pare de Pagar Juros e Seja Feliz“.

Passo #3: Invista em Renda Variável

Essa é outra dica muito importante e que a maioria das pessoas teima em não seguir.

Mesmo que o mercado não tenha um desempenho consistente desde a crise financeira de 2008, ainda assim diversas empresas apresentam resultados excelentes, com lucros cada vez maiores ano a ano.

Isso significa que o valor de muitas empresas tem subido ano após ano e a cotação não representa esse valor. Em algum momento, o mercado será obrigado a precificá-la da forma correta.

Se você não se sente seguro para investir diretamente em ações, os fundos de índice são a melhor opção para começar.

Passo #4: Utilize a Estratégia de Alocação de Ativos

Alocação de Ativos é, sem dúvida alguma, a melhor estratégia para investir seu dinheiro.

Independente dos ativos que você escolher para compor sua carteira, essa estratégia é a melhor forma de balanceá-la e obter os melhores resultados.

Com a alocação de ativos, você tem quatro vantagens:

  1. Redução do risco de uma carteira de investimentos;
  2. Fácil de entender, simples de praticar e ideal para alcançar ótimos resultados;
  3. Menos custos, menos stress e mais tempo fora do mercado;
  4. Planejamento com foco no longo prazo.

Para entender cada uma dessas vantagens, recomendo a leitura do artigo “O Que é Alocação de Ativos?“.

E caso você queira se aprofundar ainda mais sobre essa estratégia, o melhor material em língua portuguesa é o eBook Alocação de Ativos, do especialista Henrique Carvalho.

Passo #5: Utilize os Juros Compostos a seu Favor

Reinvista toda sua rentabilidade. Simples assim.

Para que os juros compostos possam funcionar, basta duas coisas: reinvestimento da rentabilidade e tempo. Quanto mais tempo seu dinheiro estiver investido, maior a capacidade de acelerar o potencial de ganho do seu investimento inicial.

Sempre que seus títulos públicos gerarem cupons, suas ações pagarem dividendos, seus imóveis  ou fundos imobiliários renderem alugueis, estes valores devem ser reinvestidos.

Para entender melhor o conceito de juros compostos, recomendo a leitura do artigo “Juros Compostos: O Dinheiro Trabalhando Para Você“.

Passo #6: Trabalhe no que Você Gosta

Caso você ainda não trabalhe no que você gosta, não se preocupe: você não está cometendo nenhum pecado.

Muitas vezes temos que nos submeter (durante algum tempo) a algo que não nos dá prazer para alcançar uma coisa maior.

O erro, entretanto, está em não desenvolver projetos paralelos, tanto pessoais quanto profissionais, focando algum trabalho que realmente lhe dê prazer. Aquele trabalho que você faria até de graça. Mesmo que inicialmente não ganhe dinheiro com isso.

Quando fazemos algo bem feito, o dinheiro é uma consequência.

Durante mais de 3 anos, o que eu ganhava com o Quero Ficar Rico mal dava para manter o site (domínio, hospedagem, servidor de e-mail…).

Ainda assim isso nunca fez a menor diferença. Por duas razões: (1) Eu sempre tive prazer em escrever e ajudar pessoas e (2) sempre tive a certeza que teria um retorno financeiro com o blog. Só não sabia como.

Atualmente eu poderia largar meu trabalho e viver apenas do Quero Ficar Rico. Ainda não tomei essa atitude porque gosto do meu trabalho (além do blog) e fico mais próximo dos meus objetivos financeiros.

Uma ótima reflexão sobre esse tema está no artigo “E se não existisse dinheiro?“.

Passo #7: Busque SEMPRE Qualidade de Vida

De nada vai adiantar alcançar a independência financeira se você se privou de tudo para juntar dinheiro, trabalhou diariamente 12 horas, não aproveitou seus finais de semana ou esteve próximo de quem você ama.

O caminho para a independência financeira deve sempre ser trilhado em paralelo com a qualidade de vida.

Trabalhar com algo bacana, divertir-se, viajar, curtir seus familiares e amigos; todas essas atividades estão relacionadas com ter qualidade de vida.

Aproveite seu tempo da melhor maneira possível, tentando sempre estar próximo às pessoas que realmente são importantes para você.

Como sempre, tenho uma pergunta para você…

O que você achou dessas dicas? Acredita que algum está equivocado? Acha que existe algo importante na caminhada para a independência financeira que não foi mencionado?

Então não pense duas vezes: deixe um comentário e participe dessa discussão.

Até a próxima!

PS: Se você gostou deste artigo, recomendo que conheça o eBook Como Investir Dinheiro, um guia passo-a-passo para sua independência financeira. #FicaDica

Imagem de shutterstock.com.

Assine (é grátis)

Cadastre seu email e receba gratuitamente as atualizações do Quero Ficar Rico!


Conquistou a independência financeira e quer ajudar outras pessoas a alcançarem o mesmo objetivo. Continue lendo aqui!

  • Renato C

    Ótima síntese !

    O conjunto destes passos traz resultados consistentes ao longo do tempo.

    • Obrigado, Renato.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Gustavo

    Acho que estou no caminho certo estou gastando menos e ta sobrando um pouco ja é um bom começo

    • Sem dúvida, Gustavo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Parabéns Rafael, mais uma vez você descreveu tudo de forma bem compreensiva.

    • Muito obrigado, Jesus.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Rafael GPO

    Parabéns pelo artigo, mas acho que o correto seria:
    “Mesmo que o mercado NÃO tenha um desempenho consistente desde a crise financeira de 2008”

    • Obrigado, Rafael. O texto já foi corrigido.

      Abraço e valeu pela participação!

  • kaue

    Muito bom seu site…me fale sobre a BBOM
    eu gostei…
    http://bbommp.wix.com/bbom

    • Obrigado, Kauê.

      Em relação à BBOM, não recomendo. É tão pirâmide quanto a Telexfree e qualquer outra empresa dessa laia.

      Abraço!

      • Fatima Dias

        100%telexfreeeeeeeeeeeeeeee,a empreza na e piramide

        • Jonas

          Telex free é empresa para Gay.

  • André

    Ótimas dicas!

    • Obrigado, André.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Eduardo Araújo

    Não conhecia o blog, em uma busca pelo google sobre investimentos teve como retorno.
    Excelente, estou lendo algumas matérias.
    Estou gostando bastante!!

    • Muito obrigado, Eduardo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Rafael,
    Muito bom as suas dicas,
    um abraço
    Luiz

    • Muito obrigado, Luiz.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Ótimo !
    Luiz Carlos

    • Muito obrigado, Luiz.

      Abraço e valeu pela participação!

  • luciano ribeiro

    Faltou a dica mais importante, fique de olho no mercado e domine a arte de comprar e vender, pessoas ricas trocam aplicações em lotes, lotes em casas, casas em fazendas, fazendas em comercios, e vice-versa, de acordo com o momento exercite a arte de comprar e vender, quem é rico domina esta arte.

    • Luciano,

      Dominar essa arte significa viver para ela. Um investidor (acumulador de patrimônio) é diferente de um trader. Nada impede que você viva disso, mas a ideia de alcançar a independência financeira é que você pode trabalhar com o que quiser, e não apenas com compra e venda (negociações).

      Abraço e valeu pela participação!

  • Keila Maidana

    Sempre seus artigos são agregadores. Estive ausente por um tempo. Mas estou de volta!
    Parabéns Rafael Seabra por suas excelentes colocações. Demonstram a sua consistência e constância em atingir seus objetivos. Obrigada pela exemplaridade!

    • Muito obrigado, Keila.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Marques

    Parabéns pelo artigo e pelo blog Rafael. É um excelente trabalho! Não há palavras para agradecer a pessoas como você que dedicam tempo para ajudar outras a serem mais felizes sem pedir nada em troca.

    Como tudo na vida o primeiro passo é sempre o mais difícil. Poupar todo mês um pouquinho de $$ do nosso suado trabalho pode parecer uma tarefa hercúlea para muitos. Como experiência pessoal, deixo sempre uma transferência programada para o início do mês, na conta onde recebo o meu salário, de um determinado valor (que não fará falta para pagar minhas contas). Se, no fim do mês ainda me sobrar algum $$, adiciono ao poupado no início do mês, caso contrário, pelo menos garanti a poupança do mês (ainda que menor que o desejado), que automaticamente se transformará em investimento. O mais importante que tenho em mente para manter essa estratégia de poupança é nunca carregar para o mês seguinte uma parte do salário do mês anterior.

  • Marques

    Parabéns pelo artigo e pelo blog Rafael. É um excelente trabalho! Não há palavras para agradecer a pessoas como você que dedicam tempo para ajudar outras a serem mais felizes sem pedir nada em troca.

    Como tudo na vida o primeiro passo é sempre o mais difícil. Poupar todo mês um pouquinho de $$ do nosso suado trabalho pode parecer uma tarefa hercúlea para muitos. Como experiência pessoal, deixo sempre uma transferência programada para o início do mês, na conta onde recebo o meu salário, de um determinado valor (que não fará falta para pagar minhas contas). Se, no fim do mês ainda me sobrar algum $$, adiciono ao poupado no início do mês, caso contrário, pelo menos garanti a poupança do mês (ainda que menor que o desejado), que automaticamente se transformará em investimento. O mais importante que tenho em mente para manter essa estratégia de poupança é nunca carregar para o mês seguinte uma parte do salário do mês anterior.

    • Muito obrigado pelas palavras, Marques.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Carlos

    Excelentes dicas. Eu tenho 50 anos e passei toda a minha vida fazendo exatamente o contrário. Não poupei, gastei tudo o que ganhava, trabalhei muito, não ganhei muito porque não tinha esse objetivo como meu foco principal..Hoje que estou passando pela primeira vez por uma situação financeira difícil penso que se tivesse sido mais responsável com o meu dinheiro poderia passar por essa fase com mais tranquilidade. No entanto, ao mesmo tempo, sei que muitas das coisas boas que fiz, viagens, bons momentos, pessoas que ajudei, talvez não pudesse fazer. Só agora estou tentando aprender a me comportar de forma responsável com relação a dinheiro e espero que não seja muito tarde.

    • Muito obrigado, Carlos.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Pr.Magno

    Parabens por essa materia, aliaz eu sempre leio suas materias e tenho aprendido mto.

    • Muito obrigado, Pr. Magno.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Edson Sotero

    A partir da leitura dos artigos deste blog, fiquei fascinado por educação financeira. Não tem nada melhor do que ter o controle de suas finanças nas próprias mãos. Hoje não aceito mais pagar nenhum centavo de juros, ao passo em que antes eu era refém do cartão do banco cruzeiro do sul, que fatiava do meu orçamento mensal R$ 120,00. E eu achava “baratinho”.

    Acho que Educação Financeira deveria ser matéria obrigatório no ensino fundamental, para educar a base da sociedade, os jovens, que serão os endividados do amanhã.

    • rogerio

      Nunca existirá a matéria educaão financeira, pois o sistema como um todo, nescessita do povo consumindo juros.

    • Fico muito feliz em saber que mais uma pessoa abriu os olhos para a importância da educação financeira.

      Infelizmente tenho que concordar com o Rogério, pois acredito na “conspiração” para que a maioria da população não tenha educação financeira, justamente para gastar mais do que pode e incentivar o consumo.

      Por isso que cada um tem que fazer a sua parte, aprendendo e repassando para seus pares.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Rodrigo Calado

    Muito bom, Rafael. Simples e de grande ajuda, parabéns.

    • Muito obrigado, Rodrigo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Cristhian

    Ótimas dicas Rafael!

    Acho de extrema importância COMEÇAR. A partir desta atitude as coisas podem acontecer, caso contrário nunca aconteceram.

    O próximo passo é CONTINUAR, pois somente começar e parar alguns quilômetros adiante não vai trazer nenhum resultado.

    E o terceiro passo, que é fundamental também é NÃO DESISTIR. Há muitas dificuldades no caminho que podem nos desanimar e fazer desistir, mas os prêmios estão reservados somente para quem não desiste!

    Parece obvio não e? Mas infelizmente muitas pessoas não conseguem enxergar o obvio.

    Agradeço por suas dicas e posso dizer que tudo o que vc ensina é muito bem pensado e traz muito conhecimento. Aprendo sempre algo novo a cada post que vc publica.

    Grande abraço!

    • Muito obrigado, Cristhian.

      O mais difícil, por incrível que pareça, é começar.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Antonio Cano Romo

    Rafael, as pessoas que puderem aceitar as suas recomendações estarão se beneficiando sem duvida nenhuma. Me parece que voce nasceu com o dom

    da prestação de serviços a qualquer pessoa, sem nada cobrar. Vou me referir

    sobre a minha pessoa, que embora não possa contar com emprego, pois sou

    aposentado, e não preciso te dizer, que ganhando uma remuneração atualmente de R$1.952,71 por mes (beneficio do INSS) e para manter pelo menos um padrão modesto de vida, não me permito alcançar a possibilidade de

    economizar para aplicar, pois sou obrigado a retirar todos os meses dinheiro da

    minha aplicação antiga para complementar a minha despesa mensal. Graças a

    Deus moro em imovel proprio. Vendi uma casa a uma pessoa que está requerendo financiamento da Caixa Economica Federal. Assim que eu receber

    o produto da venda, comprarei com parte um imovel e parte deverei aplicar.

    Quando isto acontecer, deverei reler todas as suas recomendações novamente.

    Voce me parece uma pessoa de muita boa fé e de otimas qualidades pessoais e profissionais, me inspira muita confiança.

    Um grande abraço

    Antontoio Cano Romo

    • Fábio

      Olá Rafael!

      Parabéns por seu trabalho, que é excelente! Acompanho seu trabalho há algum tempo, tenho seu ebook e sinto que você é alguém realmente comprometido com o melhor possível.

      Gostaria, apenas, de pontuar algo sobre a renda variável.Tenho acompanhado muitos sites e blogues sobre educação financeira e sempre vem a sugestão da compra de ações. Pois bem, com frequência os textos abordam como você: “(…) ainda assim diversas empresas apresentam resultados excelentes, com lucros cada vez maiores ano a ano. Isso significa que o valor de muitas empresas tem subido ano após ano e a cotação não representa esse valor. Em algum momento, o mercado será obrigado a precificá-la da forma correta.”

      Ok, mas que empresas são essas? Bem, sei que você não fará propaganda de empresas e talvez não queira dizer para não se comprometer, pois se ações tiverem uma reviravolta no preço, então um leitor mal intencionado poderá fazer-lhe acusações. Então, como fica? Bem, parece que educadores financeiros dizem que investir em ações é bom. Ok, mas ao perguntarmos em quais ações os educadores nos respondem algo como: bem, existem excelentes oportunidades de renda variável, a informação precisa sobre como encontrá-la existe, mas não posso dá-la publicamente, pois posso comprometer, então pesquise.

      Bem, revistas especializadas como IstoÉ Dinheiro ou Exame não falam. Blogues especializados em educação financeira dizem o que escrevi acima. Então, fica no ar a ideia de que comprar ações é bom, não se sabe como, mas é bom.

      Rafael, desculpa, seu trabalho é ótimo, mas essa lacuna ainda não foi preenchida pelos educadores de modo geral. Não quero a “barbada”, nada disso. Mas quero saber, sim, que opções excelentes são essas que todos dizem existir, mas que não podem dizer!

      Abraços,

      Fábio

    • Guest

      Ótimo artigo Rafael, muito bem sintetizado. Parabéns

    • Muito obrigado, Antônio.

      Fico feliz em ler seu comentário e espero que tudo dê certo na sua vida.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Muito excelente.

    • Muito obrigado, Saulo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Thiago

    Rafael, vc é o kra!

    Muito inspirador. Graças a seu blog, o qual eu já acompanho a algum tempo, comecei meus investimentos esse ano.

    Estou no TD + ações… não aguentei o “paradão” dos ETFs e comecei a investir diretamente em ações…infelizmente estou tomando um TOCO violento

    Mas não desanimo…estou aproveitando pra diminuir meu PM.

  • Thiago

    Rafael, vc é o kra!

    Muito inspirador. Graças a seu blog, o qual eu já acompanho a algum tempo, comecei meus investimentos esse ano.

    Estou no TD + ações… não aguentei o “paradão” dos ETFs e comecei a investir diretamente em ações…infelizmente estou tomando um TOCO violento

    Mas não desanimo…estou aproveitando pra diminuir meu PM.

    • Muito obrigado, Thiago.

      As desvantagens em investir em ações diretamente são os custos operacionais mais elevados, o maior risco (poucos ativos) e o tempo necessário para escolher boas empresas.

      Abraço e valeu pela participação!

  • JOSÉ HENRIQUE SILVEIRA

    Mais um ótimo artigo Rafael. Parabéns

    • Muito obrigado, José Henrique.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Oi Rafael, concordo com sua visão. Tenho adotado alguns desses passos. Venho economizando, trabalho e, ultimamente, tenho dedicado-me ao que gosto. Engraçado é que poupar, realmente, vale a pena. Porém, a gente tem mania de deixar aquela ideia de que “pobre não guarda dinheiro” invadir nossa mente. Companheiro, fiquei fã do teu blog!

    • Muito obrigado, Epifânio.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Rômulo Fontoura

    Boa tarde!

    Esse artigo é suma importância pois, a nossa cultura no Brasil não é a de poupador e sim de imediatista querer tudo para ontem. A independência financeira é um sonho para muita gente, inclusive até para quem não investe em nada!

    • Pois é, Rômulo. Espero que esse texto ajude esses que (ainda) não investem a começar o quanto antes.

      Abraço e valeu pela participação!

  • A dica que faltou foi: Acompanhe o Quero Ficar Rico!

    • Muito bom, Kleber! 🙂

      Na verdade, acompanhe o QFR, Dinheirama, HC Investimentos e muitos outros sites gratuitos e de bastante qualidade.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Fumio

    Olá Rafael, parabéns pela matéria.
    Eu tenho 67 anos e fiz quase como você escreveu, hoje vivo so de rendas; a minha preferencias sempre foram por ações e imóveis.
    Eu sempre digo: pouco ou bastante todos ganham, mas os que guardam são poucos.

    • Concordo contigo, Fumio. E parabéns por ter alcançado essa situação financeira. Definitivamente é para poucos.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Paulo Roberto

    Parabéns mais uma vez Rafael, de muito valem essas dicas. e como voce disse tem que trabalhar e desenvolver-se profissionalmente no que gosta isso sim ajudará bastante. ainda estou na faculdade mais desde quando comecei a acompanhar voce, seiiti e hugo, minha visão sobre finanças mudou bastante, desde ja agradeço por essas informações mesmo que simples mais de muito valor. esperamos por mais. gostaria de saber tb se voce anda aconselhando sobre ninchos legais para blogs, estou com uma ideia muito bacana quando o projeto ficar pronto apresentarei a voce para criticas e conselhos valeu.

    • Paulo,

      Quem é fera na questão de nichos de mercado é o Jonathan Taioba, do curso Segredos do AdSense.

      Dá uma olhada no material e tenta falar com ele.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Adm. Fredi

    Rafael parabéns pelo excelente trabalho.

    Eu tenho 28 anos, e sou de família humilde, comecei a trabalhar com 16 anos, mas sempre gostei de poupar. Aos 20 anos comecei a empreender, comprei um computador com as economias que eu tinha e comecei fazer trabalho escolar para meus amigos do colégio, depois comprei uma impressora comecei a vender xerox, eu mesmo recarregava os cartuchos com a seringa.

    Posteriormente comprei mais um pc e comecei tirar cópia de cds/dvds para os amigos… juntei dinheiro comprei mais 3 computadores e abrir um curso de informática básico. Ganhei mais um bom dinheiro e por ultimo abrir uma lanhouse, posteriormente uma lanchonete.

    Comprei um carro semi-novo, uma casa, e ainda tenho dinheiro junto. ah, paguei minha faculdade de administração e hoje, mantenho meus micros negócios e trabalho numa empresa na área financeira. POUPAR É BOM, MUITO BOM!

    Sou fã do seu trabalho e sigo suas ideias!

    Abraços!

    At,

    Adm. Fredi Cintra

    • Que história bacana, Fredi. Parabéns por tudo que conquistou até agora e ainda mais sucesso no futuro.

      Abraço e valeu pela participação!

  • IRLAN FELIX

    Excelentes dicas, você simplesmente colocou o passo a passo
    para a independência financeira, acho fundamental ter qualidade de vida, não
    adianta ser rico e infeliz, juntar dinheiro e ficar doente de tanto trabalhar,
    é melhor viver bem e acumular aos poucos.

    • Muito obrigado, Irlan.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Como sempre, perfeitas as suas ponderações. Grande abraço, meu caro!!!

    • Muito obrigado, Leandro.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Parabéns como sempre um ótimo artigo.

    • Muito obrigado, Rafael.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Genário

    Parabéns Rafael pelo artigo, concordo com tudo que você postou!

    Eu ainda não conquistei minha independência financeira mais tento seguir a risca esses sete passos.
    Abraço!

    • Muito obrigado, Genário.

      Abraço e valeu pela participação!

  • jason

    cara gostei muito de suas dicas(como sempre).
    Ja estou em busca de minha independência financeira,mas gostaria de uns dicas especificamente para o meu perfil e minha situação atual

    • Muito obrigado, Jason.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Rafael Assunção

    Opa Rafael! Acompanho seu blog à um bom tempo… Esse artigo está muito bom!! Bem direto e objetivo, juntou um pouco de tudo, economizar, investir, qualidade de vida e principalmente…”faça o que você gosta”! Mesmo que por hobby ( e ser for algo que lhe dê renda, melhor ainda). Infelizmente muitas pessoas não sabem o que gostam de fazer! Parabéns pelo artigo!

    • Muito obrigado, Rafael.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Evaldo Neto

    Rafael, concordo com suas dicas. Outros instrutores dizem mais ou menos isso. Eu compreendo essas diretrizes, já que eu acompanho seu blog a algum tempo. Também já estudo sobre educação financeira tempo suficiente para ter uma noção.
    Creio que tenho mais a aprender do que acrescentar.
    Gostaria de aproveitar para perguntar se você conhece a empresa XP Investimentos. Estou bem perto de começar a investir e fiquei interessado em fazer meu cadastro com eles, mas, já de cara, pedem o “CPF” pela internet, mesmo. Antes de fornecer informações eu quero obter referências deles.

    Obrigado.

    • Evaldo,

      A XP é uma das maiores corretoras do país. Se você estiver satisfeito com o valor das taxas, pode confiar.

      Abraço!

  • hugo

    Oi Rafael,
    Gostei das dicas e pretendo usar para meu proprio bem.
    Trabalho até 16 horas dia e não consigo saldar minhas dividas e quero mudar de rotina também. Isso nao é vida não.
    Abraço!
    Hugo.

    • Obrigado, Hugo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • investidor imobiliario

    Excelente artigo parabéns

    • Muito obrigado.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Onésimo Miguel

    Obrigado por dar a conhecer estes sete passos para atingir a independência financeira. Já decidi poupar mais o dinheiro que eu ganho para poder investi-lo. No meu país, Angola, o investimento que eu vejo de momento é uma conta a prazo, ainda não consegui encontrar outro tipo de investimento.
    Mais uma vez obrigado por publicar este artigo.

    • Eu que agradeço, Onésimo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Paulo Morais

    Ótimo texto! Você tem este e-book na versão Kindle?

  • CC

    Rafael, como sempre ótimo artigo!! estou acompanhando tudo pra começar a investir desde cedo!!

    • Muito obrigado, CC.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Alex

    Excelentes dicas Rafael, gostei pra caramba!

    • Muito obrigado, Alex.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Richard Ildivan

    Olá,

    Ótimo trabalho realizado no seu blog, comecei a lê-lo quando estava no início da faculdade, como não trabalhava as informações daqui eram apenas assimiladas, mas não praticadas. Hoje, já formado e trabalhando, resolvi voltar por aqui para aprimorar meus conhecimentos sobre finanças pessoal, já que agora sou remunerado e me interessa muito saber como investir.

    Parabéns e sucesso!!!

    • Muito obrigado, Richard.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Renata

    Quero deixar registrado o meu apreço pelo seu trabalho aqui no blog, tenho aprendido bastante. Obrigada!

    • Muito obrigado, Renata.

      Abraço e valeu pela participação!

  • André Andrade

    Gostei demais dos 7 passos, tenho aprendido bastante com seus posts e com o seu e-book também. Hoje aos 34 anos percebo o quanto eu não sabia nada de educação financeira. Tenho algumas contas a pagar mas agora já estou enxergando a estrada por onde caminhar. Continue sempre motivado pois seu trabalho é fundamental para o nosso país.

    • Muito obrigado, André.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Igor M

    Muito bom o conteudo, alguns autores se esquecem aquivocadamente do tema felicidade, qualidade de vida, nao basta somente trabalhar, temos que ser felizes

    • Muito obrigado, Igor.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Hamilton Garcia

    Parabéns e obrigado por dividir conosco suas experiências e conhecimento

    • Muito obrigado, Hamilton.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Hamilton Garcia

    Parabéns e obrigado por dividir conosco suas experiências e conhecimento

  • Adair

    Ótima leitura, mas para atingir os objetivos é necessário planejamento e disciplina.

    • Muito obrigado, Adair.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Adair

    Ótima leitura, mas para atingir os objetivos é necessário planejamento e disciplina.

  • Marcos

    Realmente muito inteligente seu artigo, incrível que mesmo sem saber eu estou adotando estes passos, então acredtio estar no caminho certo! Valeu.

    • Muito obrigado, Marcos.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Marcos

    Realmente muito inteligente seu artigo, incrível que mesmo sem saber eu estou adotando estes passos, então acredtio estar no caminho certo! Valeu.

  • Welton Costa Crvg

    Parabéns pelo Blog e por dar atenção a todos os comentários.

    Achei seu Blog em um forum MUITO acessado, por Homens. http://mundorealista.com/forum/

    Bem: Eu acho que não seria legal fazer aquilo que gosta se o indivíduo quiser ter exito no que se refere a independência financeira e mais rápida. Acho que devemos dar duro no nosso começo, escolhendo aquilo que não nos agrada, só depois…desfrutamos de um emprego que gostamos e que tenha um desgaste psicofisico, menor,(pois nem sempre o que gostamos consegue paga bem). Gosto de muitas coisas, porém, nenhuma dessas são boas, financeiramente. Por i$$o quero trabalhar no que eu não gosto, entretanto, ganhando mais, para depois entrar em algo mais confortável, e ganhar menos. Abraço!

    • Muito obrigado, Welton.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Ivete Riello

    Olá Rafael. Li sobre fundos de investimento tais como Fundo Geração Programado FIA me parece mais rentavel que etfs, o que vc acha?
    obrigado

  • Ivete Riello

    Olá Rafael. Li sobre fundos de investimento tais como Fundo Geração Programado FIA me parece mais rentavel que etfs, o que vc acha?
    obrigado

    • Ivete,

      Existem alguns fundos que possuem desempenho melhor que o ETF BOVA11. Mas é bom lembrar que 66% dos fundos tem desempenho inferior a esse ETF. Então é importante saber escolher um bom fundo.

      Abraço!

  • Ariel

    Rafael

    De uma olhada neste empresa que promete trabalhar com grandes marcas e me passe o que acha?

    http://www.savecash.com.br

    Ná pagina principal tem vídeos explicando como funciona, sua opinião é muito importante.

    • Ariel,

      Como não conheço, não recomendo. Dei uma rápida lida e não achei interessante.

      Abraço!

  • Silvana Paulino

    Sempre leio e aplico as suas recomendações e posso garantir que cada ano que passa estou melhor em tudo e até me tornei empreendedora!!! Educação Financeira faz um diferencial em nossas vidas. Obg!

    • Eu que agradeço, Silvana.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Kátia Bizan

    Oi Rafael!! Sempre fui muito gastona e sempre passei muito aperto…, mas enfim acordei há alguns anos e agora estou pagando tudo que devo (Não vou ficar devendo nada para ninguém!!!) e não vejo a hora de começar a investir e ver nosso suado dinheiro (meu e marido) render!!! Como a gente faz besteira, meu Deus!!!! Estou ensinando meus filhos, nas situações do dia a dia, tudo que estou aprendendo, pois seus posts são muito estimulantes!! Parabéns e obrigada pela ajuda!!! Abraço de uma fã do seu trabalho e sua inteligência!!

    • Muito obrigado, Kátia.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Ana Carolina Junqueira

    Olá Rafael, adoro os seus textos, parabéns pelo sucesso do blog. Tenho duas perguntas, lá vai:

    – Para quem nunca mexeu com ações, tesouro direto, CBB e etc. Quais são as principais dicas pra começar ? Qual o mais rentável com menos risco ?

    – Qual o capital inicial que precisamos pra começar a investir ? Tanto em ações, como nos outros recursos (tesouro direto, CBB e etc)?

    Desde já agradeço. Att, Ana Carolina Junqueira.

  • Davi

    Voce só foi contra o principio de Robert Kyosaki. Deixar o dinheiro trabalhar pra voce, e nao ao contrário. Por mais controversa que seja a história do livro Pai Rico pai pobre, os ensinamentos dele é sim algo real, sem sombra de duvidas. Segundo ele, trabalhou durante 4 anos de sua vida no vietina apenas, e o seu primeiro investimento foi seu livro em uma mesa de cozinha. Exemplos de pessoas que comecaram a emprender com pouco ou nenhum capital sao vários. Nao me considero bom o suficiente para ter empregos de altos cargos, mas tenho certeza que tem como ficar rico de outras formas. Pode demorar um pouco mais na maioria das vezes, mas é possivel, sao inumeros exemplos de pessoas e modolos.
    Abracos
    Davi

  • Fagner Sabrina

    Tem como investir apenas 100 R$ por mês?

    • Davi

      Fagner Sabrina, ter até tem. Mas melhor ainda é comecar a investir com 1.200 reais. Junte esses 100 reais durante um ano, e suas opcoes de investimentos serao maiores e melhores. Quanto maior o capital, melhor, claro. Ter paciencia é um dos elementos importantes.

  • Zo Silva

    Muito bom,pq são esses texto que me faz cada vez mais ir pelo caminho certo.

    • Muito obrigado, Zo Silva.

      Abraço e valeu pela participação!

  • George

    Rafael, você falou que durante 3 anos o seu blog não pagava os custos de domínio, hospedagem, servidor de e-mail…, mas para todos esses serviços existem opções gratuitas não é mesmo? Então porque não utilizá-los? Obrigado!

    • Porque não vale a pena, George. É muito melhor ter, pelo menos, domínio e hospedagem próprios, ao invés de utilizar o blogger ou wordpress.com, por exemplo.

      Abraço!

  • Hugo

    beleza!!!

  • Juvaldo

    Gostei, é depois de muito tempo, hoje me preocupo em investir e estou seguindo as ótimas dicas. Valeu.

    • Muito obrigado, Juvaldo.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Vivi Coelho

    Acredito que tudo tem seu tempo e que as pessoas em algum momento abrem mão um pouco de lazer para poder ter qualidade em passeios por exemplo. acho tudo o que disse muito correto e mais, acredito fielmente na sua afirmação: Quando fazemos algo bem feito, o dinheiro é uma consequência. E de fato é… tem que te ímpeto e coragem para fazer investimentos nos momentos necessários para o crescimento e de minha parte digo, eu amo tanto o que eu faço que vira diversão fazer mesmo em um domingo anoite. Parabéns pela matéria! Muito boa Rafa!

    • Muito obrigado, Vivi.

      Abraço e valeu pela participação!

  • geiza

    ESTOU PARA TRABALHAR EM CASA PELA TELEXFREE O QUE VOCE ME DIZ.É BOM NEGOCIO

  • geiza

    ESTOU PARA TRABALHAR EM CASA PELA TELEXFREE O QUE VOCE ME DIZ.É BOM NEGOCIO

  • Racson

    Gostei muito das dicas e quero muito bota-las em pratica, mas sinto dificuldade quando entra no assunto dos tipos de investimentos ( Títtulos públicos,ações, CDB,etc) não consigo entender como funciona de fato o mercado financeiro onde ir . Já aprendi muita coisa só aqui no seu blog. Você poderia me indicar algum livro, site que possa me ajudar pois quero muito conseguir a independência financeira.
    Muito obrigado pelas dicas.

    • Muito obrigado, Racson.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Gilberto Amorim

    são ótimos esses passos porque são realistas e diretos,gostaria que postasse algumas matérias sobre comércio eletrônico que é a tendencia do momento e sobre um assunto específico da diferença entre “Sonho e Realidade”.

  • Aline Alves

    Oi Rafael. Achei ótimo o seu post. Há mais ou menos 5 anos venho
    pensando em independência financeira, mas confesso que tenho muito a
    aprender ainda. Por outro lado, em 7 anos de carteira assinada, nunca
    gastei mais do que eu ganho. E aproveitei para viajar muito também.
    Termino meu comentário com uma pergunta: vale a pena investir em Títulos
    do Tesouro atualmente? Abraço.

    • Muito obrigado, Aline.

      Quanto ao TD, vale muito a pena. O melhor investimento em renda fixa, na minha opinião.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Hilton Moura

    muito bom. bem claro e objetivo.

    • Muito obrigado, Hilton.

      Abraço e valeu pela participação!

  • Luis David

    Excelente artigo. Continue com o otimo trabalho. Um abraço de Cidade do Leste no Paraguai!

    • Muito obrigado, Luis.

      Abraço e valeu pela participação!

  • ronaldo ribeiro

    Como conseguir me disciplinar financeiramente,quando não se é ensinado em casa a economizar,…

  • Caroline

    Parabéns Rafael!
    É muito interessante e estimulante ver pessoas distribuindo conhecimento com tanta simplicidade e carisma. Fantástico!

  • Kamylla Etrusco

    gostei muito cada artigo eu aproveito o máximo e pratico,é difícil mas resultado será gratificante

  • Marcelo Augusto

    Ótimo blog, ótimas dicas.
    Sou novo por aqui. Este ano estou cursando matemática financeira, o que me despertou bastante interesse sobre o assunto. Ainda irei vasculhar mais ainda.
    Até mais e obrigado pelo conhecimento compartilhado.

  • Carla

    Olá querido Rafael,
    adoro suas dicas!!! Como faço par indicar seu site para meu marido?Tem algum botão no site?
    Não achei.
    Obrigada.
    Sucesso.
    Beijos,
    Carla.

[Grátis]
[Grátis]