LCI ou Tesouro Direto? Descubra o que é mais rentável!

LCI ou Tesouro Direto? Descubra o que é mais rentável!Eu já gravei um vídeo explicando como comparar um investimento em CDB com investimento em Tesouro Direto.

Muitas pessoas entenderam, até porque a comparação é bem simples, já que ambos sofrem a incidência de imposto de renda.

Mas uma nova dúvida surgiu: como comparar LCI e Tesouro Direto, já que a LCI é isenta do imposto de renda?

Sendo ainda mais específico, como escolher LCI ou Tesouro Selic?

Se você também tem essa dúvida, leia este artigo até o final.

Como Comparar LCI e Tesouro Direto

A partir de agora, você vai entender como comparar LCI com Tesouro Direto.

Ou, como eu tinha comentado no começo do artigo, como comparar uma LCI com o Tesouro Selic.

Primeiro, você tem que entender é o que é LCI e qual é a principal vantagem dela.

LCI é uma sigla que significa Letra do Crédito Imobiliário e a grande vantagem desse investimento é a isenção do imposto de renda.

Sobre as rentabilidades desse investimento não há incidência do imposto de renda. Então, a princípio, isso seria uma baita vantagem.

A questão é que, na maioria dos casos, a rentabilidade da LCI é bem menor do que de outras aplicações financeiras.

Em alguns casos, por conta dessa isenção, isso compensa.

Em outros casos, não.

Entenda agora como você pode mensurar exatamente qual é a rentabilidade líquida de cada um deles e assim optar por qual seria, de fato, o melhor investimento.

Prazo

O primeiro ponto que você precisa entender é o prazo da aplicação.

Digamos que você escolha uma LCI com mais de 2 anos de duração.

Comparando esta LCI com o Tesouro Selic, para este prazo, a alíquota do imposto de renda já seria a menor delas (15% sobre a rentabilidade).

Então, considerando que o Tesouro Selic rende 100% do CDI, quando você descontar o imposto de renda, ele renderia 85% do CDI, aproximadamente.

(Nota: Estou considerando que 85% do CDI equivale a 85% da taxa Selic. O CDI é sempre um pouco mais baixo, mas vou igualar para efeito de comparação.)

Nesse caso específico de uma LCI acima de 2 anos de duração, ela teria que render, pelo menos, 85% do CDI.

Se for superior a isso, a LCI é mais rentável. Se for inferior a isso, o Tesouro Selic seria mais rentável.

Como expliquei, o ponto mais importante é descontar o imposto de renda para saber se, no final das contas, a rentabilidade será maior ou menor.

Agora vamos a outro exemplo, dessa vez para prazos mais curtos.

Vamos considerar que sua LCI vencerá em entre 360 e 720 dias.

Neste caso, alíquota do imposto de renda já sobe um pouco. Ela fica em 17,5% sobre a rentabilidade.

Para este caso específico, em vez de uma LCI de 85%, seria uma LCI de 82,5% do CDI.

Se for superior a isso, você pode optar pela LCI, pois é financeiramente mais rentável.

Caso contrário, você investe no Tesouro Selic.

Liquidez

Outra coisa que você precisa ficar atento é que, via de regra, as LCIs mais rentáveis são as com maior prazo de vencimento.

Ela rende melhor, mas, em compensação, você vai passar mais tempo com seu dinheiro parado, por conta da falta de liquidez.

Esta é uma grande desvantagem da LCI: a impossibilidade vendê-la antes do vencimento.

Se você tem certeza que não vai mexer naquele dinheiro, não tem problema algum. Se você não vai precisar dele, pode investir que será mais rentável.

Mas se você tem alguma dúvida, é importante que, pelo menos, parte dele fique numa aplicação financeira com liquidez diária – ou seja, que você possa vender a qualquer momento.

O Tesouro Selic oferece a você essa vantagem. Ele tem liquidez diária e você pode vendê-lo a qualquer momento, sem qualquer risco de perda financeira.

Então, se você não tem certeza se poderá permanecer com aquele LCI por 2, 3 ou 4 anos, opte pelo Tesouro Selic ou por uma outra aplicação financeira que ofereça liquidez diária.

Já adianto que dificilmente outra aplicação financeira com liquidez diária oferecerá uma rentabilidade superior ao Tesouro Selic.

Novamente, é muito importante ressaltar que você precisa saber exatamente quanto sua LCI rende.

Eu vejo muita gente falando: “Rafael, LCI é muito melhor do que o Tesouro Direto, muito melhor do que a poupança, então invisto sem pensar duas vezes.”

Não é assim!

Principalmente quando falamos das LCIs ofertadas pelos grandes bancos, a rentabilidade é muito baixa.

Eu já vi casos de rentabilidade que eram compatíveis com a poupança!

Em muitos casos a rentabilidade fica abaixo de 80% do CDI.

Mesmo com a isenção do imposto de renda, esse investimento não compensa nessas condições.

Se você já investe na LCI e se gaba por ter uma ótima aplicação dizendo que ouviu falar que LCI é uma aplicação muito boa, sem imposto de renda, pense duas vezes.

Pergunte ao seu gerente qual é, de fato, a rentabilidade dela. Qual é o percentual do CDI que ela rende?

Se for acima de 85%, provavelmente você fez uma boa escolha.

Se não for acima desse valor, talvez você tenha feito uma má escolha.

Se for muito abaixo desse valor, certamente você fez uma má escolha.

Conclusão

Fique atento à rentabilidade da sua LCI. A isenção do imposto de renda, por si só, não é uma garantia que a LCI é melhor que o Tesouro Direto.

Expliquei neste artigo que é possível comparar a rentabilidade apenas descontando o imposto de renda do Tesouro Selic.

Além disso, falei também que a LCI não tem liquidez, então se você tem alguma dúvida se conseguirá manter o dinheiro aplicado até o vencimento, talvez a LCI não seja a melhor opção para você.

Tem mais: comparei a LCI apenas com o Tesouro Selic, que é um título público mais conservador – e, por vezes, o menos rentável –  do Tesouro Direto.

Para investimentos com foco no longo prazo, como a aposentadoria, existem alternativas mais rentáveis e adequadas, que protegem seu patrimônio da inflação.

Se você quer saber mais sobre investimentos de longo prazo, deixo neste link aqui um convite uma aula gratuita e exclusiva sobre como salvar sua aposentadoria (antes que seja tarde demais).

Antes de terminar, duas coisas:

  1. Assista ao vídeo abaixo com o resumo de tudo que expliquei neste artigo;
  2. Deixe um comentário com sua dúvida ou opinião sobre este assunto.

Gostou do vídeo? 🙂

Então clique neste link aqui para se inscrever gratuitamente em meu canal no YouTube.

Até a próxima!

Assine (é grátis)

Cadastre seu email e receba gratuitamente as atualizações do Quero Ficar Rico!


Conquistou a independência financeira e quer ajudar outras pessoas a alcançarem o mesmo objetivo. Continue lendo aqui!

[Grátis]
[Grátis]